Livro auxilia pesquisadores a escrever artigos científicos em inglês

Livro auxilia pesquisadores a escrever artigos científicos em inglês

Com o objetivo de auxiliar a comunidade acadêmica nacional a escrever artigos científicos em inglês com correção gramatical e coesão, oito pesquisadores brasileiros e estrangeiros lançaram o livro Writing Scientific Papers in English Successfully: Your Complete Roadmap.

De acordo com Osvaldo Novais de Oliveira Júnior, do Instituto de Física de São Carlos (IFSC), coautor do livro, a publicação é resultado de duas décadas de pesquisa e ensino sobre escrita científica em inglês.

“Meu trabalho com escrita científica em inglês começou com a necessidade de produzir relatórios científicos no doutorado, que realizei no País de Gales com bolsa da FAPESP. Percebi então que, mesmo dominando o idioma, a correção gramatical não era suficiente para garantir a qualidade do texto em inglês e a eficiência da comunicação – era preciso escrever de maneira adequada ao contexto da língua”, disse à Agência FAPESP.

Oliveira passou, então, a reunir modelos de escrita em papers produzidos por pesquisadores locais e utilizá-los como um corpus linguístico, conjunto de textos em uma determinada língua que serve como base de análise e modelo para novas escritas.

“As estratégias de aprendizado da escrita científica, incluindo do uso da língua inglesa para um texto científico, têm suporte teórico na Linguística de Corpus. Um capítulo específico explica o que é essa área da Linguística, com exemplos que permitem compreensão dos conceitos por leitores leigos, não especializados na área.”

Para o pesquisador, tais conceitos são importantes porque evidenciam a necessidade da leitura e da apreensão do que é lido.

“Você não pode escrever um bom paper sem ler bons papers. Por isso o livro oferece também técnicas de leitura de diferentes tipos de publicações, que vão auxiliar não só na apreensão do modo de escrever, mas também em aprimorar outras habilidades relacionadas a tarefas científicas. Também é importante ter domínio sobre técnicas que permitem fazer anotações que auxiliarão a desenvolver uma coleção de modelos de escrita, o seu próprio corpus.”

O livro é divido em duas partes: a primeira oferece os fundamentos teóricos da escrita científica e a segunda detalha estratégias, técnicas e ferramentas que facilitam a redação dos trabalhos científicos em inglês.

“É importante identificar sistematicamente padrões textuais que são prevalentes em cada parte de um texto científico. Aprender a usar esses padrões auxiliará a escrever em um estilo já aceito pela comunidade acadêmica de quem escreve.”

São apresentados os fundamentos e modelos teóricos subjacentes ao gênero da escrita científica, além de um manual de uso dos conceitos de Linguística de Corpus para o aprendizado da escrita científica em inglês, com descrições de softwares de auxílio à escrita.

É feita ainda uma reflexão sobre a relação da escrita científica com o método científico. “Relatar adequadamente as descobertas é essencial no método científico. Trata-se de uma indissociabilidade entre método e escrita científicos”, explica Oliveira. Nesse sentido, o livro traz informações detalhadas de como um artigo científico deve ser estruturado, incluindo o que cada seção deve conter.

Além de Osvaldo Novais de Oliveira Júnior, são coeditores do livro Ethel Schuster, da Northern Essex Community College, e Haim Levkowitz, da University of Massachusetts Lowell, ambas em Massachusetts, nos Estados Unidos.

Os trabalhos reunidos são de autoria dos editores e de Sandra Maria Aluísio, do Instituto de Ciências Matemáticas e de Computação (ICMC) da Universidade de São Paulo (USP); Stella Esther Ortweiler Tagnin, do Departamento de Letras Modernas da USP; Valtencir Zucolotto, do IFSC; Valéria Delisandra Feltrim, da Universidade Estadual de Maringá (UEM), no Paraná; e Carmen Dayrell, do Centre for Corpus Approaches to Social Science da Lancaster University, no Reino Unido.

Fonte: Agência FAPESP

Categorias: Notícias e Eventos. Bookmark the permalink. Comentários desativados em Livro auxilia pesquisadores a escrever artigos científicos em inglês

Comments are closed.